"Ganda Pana..."

Domigo, 28 de Fevereiro de 2010

Perante a desistência da maior parte dos "Bike On The Move", estava quase a desistir da volta quando recebo uma mensagem do Paulinho com a sua já carismática frase: "Bora, bora!" Foi o empurrão que faltava para me fazer sair de casa. Sozinho não tem piada mas com companhia, e ainda por cima com o Paulinho, já dá vontade de me agarrar à bike. O tempo estava com bom aspecto. Havia umas nuvens é verdade e era prevísivel que iria chover hoje mas, devido ao Sol que batia na janela nunca pensei de ele desaparecer tão cedo... Lá me fiz à estrada em direcção ao ponto de encontro. Quase à chegada o Sol desaparece assim sem mais nem menos e ouve-se sucessivas trovoadas.
Depois de uma breve brainstorming arrancámos em direcção à Cobra. Assim que lá entrámos, PÁRA TUDO! Problemas mecânicos na bike do Paulinho. A corrente talvez inspirada nalgum truque de Houdini, consegue saltar de umas das roldanas do desviador traseiro!! Nada que não se resolva com uma chave sextavada...

-Paulinho: "Tens ai a chave?"

-Bruno: "Não! Tem o Gonçalo."

-Paulinho: "E... onde está o Gonçalo..?"

-Bruno: "... pois... deve 'tar em casa.."

-Paulinho: "Logo hoje! Deixei a minha chave em casa...!"

-Bruno: "..."

Com alguma inspiração à Macgyver, e sorte, lá conseguimos dar a volta ao problema. Entretanto já chovia... Chegados lá a cima, nem sequer ali parámos para a pausa do costume. Seguimos directos à paragem do autocarro à busca de abrigo para se poder decidir o resto da volta. Depois de uns quantos pingos mais grossos decidimos descer o Vale de Barris já com o fim da volta à vista...
Depois de deixado o Paulinho em casa, foi o banho quente que que tinha em mente que me fez pedalar bem rápido em direcção à minha crib. Tudo corria bem até que o meu desviador dianteiro ter-se armado em difícil. Agora fui eu a ficar empanado no alcatrão em reparações... 10 minutos perdidos depois já eu estava a caminho de casa. Pelo caminho ainda encontrei "malta do BTT" que me chamou de "maluco" por andar à chuva. Ainda olhei para o céu a ver se só chovia em cima de mim... Se calhar...



Nem Sonhava Com Isto...

Terça-feira, 23 de Fevereiro de 2010

Este domingo, num daqueles momentos em que não apetece fazer nada a não ser ver as imagens a passar cada vez mais rápido naquele aparelho chamada televisor, dei de caras com algo que nunca imaginei, quanto mais pensar, que pudesse existir. "Que coisa foi essa?" perguntam voçês... Passo a explicar: então voçês sabiam que neste Mundo, que tanto, supostamente, se preocupa com o aquecimento global, com a dita possível futura falta de petróleo, com o racismo, discriminação das mulheres, da suposta crise que atravessa a Europa, desemprego e o fim do Mundo que acontecerá em 2013 ainda existe malta que goza com isto tudo?? Então não houve um maluco qualquer que decidiu, no meio de todas estas preocupações acima referidas, inventar uma modalidade desportiva, ainda por cima, digna de ser o centro de um Campeonato do Mundo?? Pois é meus amigos, foi este fim de semana em Portugal, mais precisamente em Tavira. Várias selecções competiram este fim de semana com o intuito de conquistar o título de... nem sei qual é o adjectivo que melhor se adequa...Deixo um dos videos em baixo para que possam rir à conta disto... E depois digam-me se é só de mim ou isto faz-me lembrar o Rául...


Quero-vos ver este fim de semana a tentar fazer o mesmo...

Olha P'ra Mim...

Sábado, 20 de Fevereiro de 2010


Este fim de semana, devido às ausências, notadas, da maior parte da malta, decidi ir de carro (já começa a tornar-se um hábito). Fui buscar o Rui a casa e foi lá que fui supreendido logo ao começo do dia... Ele já tinha a sua Rockrider 8.2!! Tanto andou de volta dela que teve mesmo de a ir buscar. Depois de uma breve vistoria pela sua nova "menina" lá a pusemos em cima do "Lima-Limão" e seguimos, não de encontro ao Orlando mas sim, à nossa pastelaria preferida... E deixo aqui um recado ao Gongas: o "croissant" tava com bom aspecto...lol
Depois do pequeno almoço no papo, lá seguimos de encontro ao Orlando. 9h15m lá estávamos prontos para arrancar das Fontaínhas. Já não me recordo da última vez que saímos à hora prevista...

Escolhemos fazer uma volta por alcatrão para fazer a vontade ao Orlando que estava desejoso de experimentar o alcatrão da Serra...


O Rui estava todo babado por ir estrear a sua nova aquisição...



A ritmo de passeio lá seguimos mentalizados para a volta...


O Rui continuava vaidoso com a bike nova. "Olhá p'ra mim olha... até pedalo só com uma mão..."


A meio do caminho demos de caras com a saudade. Sentimos saudades dos nossos amigos que aproveitaram o bom tempo para passear na Serra da Estrela... O nosso amigo Calhotas foi o que mais falta nos fez... Ele de certeza que se arrependerá de não ter vindo connosco depois de ver as iguarias que colhemos a pensar nele. Não são amoras nem bagas mas foi com boa intenção...

Ultrapassadas as saudades lá conseguimos chegar ao tanto desejado ponto de encontro...


O Orlando nem doente se renegou...


Tivemos de parar para registar paisagens destas...


Quase às portas de Azeitão, decidimos revelar ao Mundo qual o segredo das nossas pedaladas...


Finalmente em Azeitão!! Já não era sem tempo...



Pelo caminho, já no "mato" apercebemo-nos que a Primavera já vem a caminho...


Olha para ele...




Em conclusão, foi uma volta porreira de fazer. Claro que não há nada como a lama para nos fazer sentir o espirito de BTT mas de vez em quando uma volta destas também faz bem... A malta fez isto a ritmo de passeio, ninguém tinha horas para estar em casa, estavámos bem dispostos e acima de tudo gostamos do convivio que há entre nós. Deu para rir um bom bocado com a campainha do Rui, a vontade do Orlando em ultrapassar a malta que passava por nós, frases que nunca deveriam ser ditas, enfim... Foi mais um fim de semana bem passado...



Eu Também Quero

Terça-feira, 16 de Fevereiro de 2010


Para quem não sabe, a história dos "Bike On The Move" começou com um pequeno empurrão da piolho. Se não fosse eu, o biker Bruno não tinha comprado a sua bike e não teria passado por todas as aventuras aqui relatadas com o resto do grupo. Por esse motivo, senti-me no direito de fazer um passeio com registo fotográfico para que fique aqui a minha passagem pelo BTT.
Estava com algum receio de como iria amanhecer o dia, mas foi com surpresa que acordei com o sol a bater na janela. Com entusiasmo, incentivei o Bruno para o nosso passeio da parte da tarde. A seguir ao almoço, pusemo-nos a caminho da serra no nosso pópó amarelo. Ao chegar ao cimo de Palmela tirámos as bikes do carro e começámos o nosso passeio.

A subida dos moinhos não foi fácil...
















Mas consegui chegar ao topo para iniciar a descida. Com algum receio, e muito travão, lá desci até ao tão famoso fio dental. Tenho de confessar que tive algum receio, pois descer o fio dental junto a uma ravina dá que pensar...




No entanto, não desisti e desci sempre em cima da bike, embora por vezes tenha posto o pézinho no chão...

video




IUPI!! Cheguei ao fim do fio dental e ainda consegui subir novamente, sem parar (isto tem de ser dito) até ao cimo de Palmela, pela estrada do Gaiteiro. Foi cansativo, fiquei exausta, mas a paisagem e claro a companhia valeu todo o esforço que fiz e as calorias perdidas. Sinceramente, este é um passeio a repetir.
Pessoal qualquer dia já vos acompanho =)




Ver Eu Também Quero num mapa maior

Dia das Explorações

Sábado, 13 de Fevereiro de 2010


Este fim de semana, devido ao frio, a malta não estava com apetite de ir de casa até ao ponto de encontro de bike. Decidimos ir de carro mas nem assim conseguimos sair a horas. Quando arrancámos já passavam das 10h...



Desta vez,"tentámos" explorar um daqueles trilhos mesmo ao início da Estrada da Cobra. Devido a falta de comunicação, quando demos por nós, erámos 3 a explorar enquanto que o resto do grupo tinha parado e nós, por falta de atenção, não demos por isso e eles seguiram pela Cobra. É um trilho puxado, desanimador ao início mas que compensa pela sua vista sobre a nossa cidade...













Mesmo com a falta de comunicação, a malta esperou por nós em Palmela. Seguimos caminho pelos moinhos onde o nosso Paulinho, já cansado devido à falta de descanso da noite anterior, "encalhou" no seu obstáculo preferido. O engraçado é os amigos que temos que até fazem apostas sobre o nosso "calcanhar de Aquiles"... O Calhotas ganhava...

video


Continuámos em direcção à mesa, onde já estava o Big Orlando, farto de esperar por nós. Estava com o vício a montes e ainda nem tem a sua Cannondale...











Chegados à Lavreda da Comenda, a malta separou-se novamente. Os mesmos três que se tinham aventurado em explorar a Cobra tinham novamente ideias tristes... Na procura de um sitio melhor para passar a ribeira, fartamo-nos de subir pé para depois descer...a pé!! Para no fim, chegarmos à conclusão de que não vale a pena o desvio só para não molhar os pés...



Quando chegámos ao Parque de Merendas, já o resto do grupo estava, novamente, farto de esperar por nós...



5 Para A Meia Noite

Quinta-feira, 11 de Fevereiro de 2010

Ontem, aqueles que resistiram ao sono e ao cansaço, tiveram o previlégio de assistir à "internacionalização" de alguns elementos do "Bike On The Move". Foi no programa da RTP2, chamado "5 Para A Meia Noite", que foi exposto a Portugal duas das fotos mais... digamos... constragedoras que já tirámos nas nossas incursões pela Serra Mãe. O programa, apresentado às quartas-feiras pelo já conhecido Nilton, afirma ter batido ontem um recorde de audiências com 13% de share. Um feito memorável que acreditamos dever-se à nossa contribuição. Pena o Nilton não nos ter oferecido as tão desejadas t-shirt´s "Eu Amo Você!"... É preciso não desanimar e continuar a pressionar o Nilton com mais peripécias nossas... ou não.

Queremos o Miguel!!

Terça-feira, 9 de Fevereiro de 2010


"Queremos o Miguel!". São estas as palavras de ordem que fazem eco entre os "Bike On The Move". Queremos que o Miguel conserte a Haro do irmão e que venha dar umas pedaladas connosco. O Miguel tem sido vítima da nostalgia. É bom recordar que a bike que o nosso Gongas tem, foi do Miguel. Ele, o Miguel, devido à falta de companhia para estas andanças, decidiu desfazer-se da sua "Pequenina". Foi com muita pena mas teve de o fazer. Custava-lhe mais vê-la parada que nas mãos de alguém que lhe desse uso... Após alguns tempos, ela foi parar às mãos do Gongas. Este, por sua vez, tem lhe dado bastante uso mesmo. E isso, fez o Miguel recordar os bons velhos tempos, e está a ponderar se investe novamente no BTT. Nós queremos tirar-lhe todas as dúvidas! Por isso, vamos todos pedir o "regresso" do Miguel ao BTT. Vamos todos deixar comentários a pedir o seu regresso.


Caramelice...

Domingo, 7 de Fevereiro de 2010


Estava eu descansado, de volta do blog, quando por cerca das 15 horas, alguém começa a fazer pressão sobre mim para "ir dar uma voltinha de bike para a lavar". Olhei para a rua e desconfiei do tempo... tentei fugir mas a pressão foi tanta que acabei por ceder. Disse à mulher que ia só até às Pontes dar uma lavagenzita na bike e que já vinha... Quando esse alguém chegou a minha casa, ele prontamente me perguntou pelo cartaz "Eu Amo Voçê". Desconfiado, não fosse eu já calejado nestas coisas, perguntei o porquê da pergunta. Ele responde que assim ÍAMOS até à casa da namorada DELE mostrar o cartaz... Por esta altura ja era 17h... Mas enfim, já equipado, não era agora que me ia cortar. Acabei por fazer a vontade a esse gajo! Resultado: ACABÁMOS por fazer uma data de quilómetros à chuva, de noite, chegados lá, ela (a namorada DELE) disse que aquilo era uma grande caramelice, voltámos à chuva para casa, por mato, sem luz, para EU chegar a casa e a MINHA mulher me perguntar se fui lavar a bike a Lisboa... Ou seja, para além de ter apanhado um tareião à chuva e a consequente molha, ainda tive de tentar explicar à minha mulher o sucedido e, depois da explicação ainda tive de lhe justificar porque é que nunca lhe fiz nada assim parecido...



Então não estou chumbado com isto??



Eu Amo Voçê

Sábado, 6 de Fevereiro de 2010

Desta vez, após imensas tentivas perdidas, lá apareceu o nosso amigo Raúl! Passados 6 meses após ele ter-se armado em mecânico de bicicletas lá conseguiu arranajar uns aros que servissem nos seus 2.7... Aquilo mais parece uma moto que uma bicicleta...

Depois de um bom pequeno almoço, no sitio do costume, decidimos tentar, levar a malta que ainda não conhecia, a famosa Volta dos Rambinhos.
Fomos por uns atalhos, que em menos de nada estávamos à porta da Madrinha Mais Linda do Mundo. Eu, como bom afilhado, quis mostrar o nosso adereço desta semana mas alguém teve pena dela porque parece que estava a dormir. Esse alguém, à hora do almoço é que queria lá ir... Ganda maluco! Ai estava eu com fome!!

Mas enfim, lá chegámos a S.Paulo e às suas curvas e contra curvas, sempre a subir...







Subimos novamente pelas Pedreiras Velhas, com o Raúl a demonstrar o efeito dos seus 2.7...


Até chegar finalmente à Capela onde estava montado o posto de abastecimento: BANANA, PowerRade e...fruta!


Foi também na Chegada à Capela que o nosso amigo Orlando experienciou a sua primeira falha mecânica: a makumba partiu o cubo da roda traseira...



Fomos mesmo obrigados a chamar a Assistência em Viagem (o Rui)...



Até mesmo eu que nao me cheguei perto da makumba tive problemas...



Chegados à Comenda, quis-me armar em esperto e experimentar aquilo que eu pensave ser uns atalhos. Como resultado, fartei-me de subir e descer, andei perdido e coloquei o grupo todo preocupado comigo...




Ah é verdade, ja me esquecia. Os Bike On The Move, inspirados por uma rÚbrica do programa "5 Para a Meia Noite", sentimo-nos na obrigação também de "espalhar o amor por Portugal". Assim fizemos como tantos outros portugueses e registamos a nossa contribuição! Esta é para ti Nilton...







Fica registado os pontos que o Rui subiu na nossa consideração graça à sua prontidão e disponibilidade que demonstrou em ajudar a malta.
Fica também registado o esforço do Orlando em fazer uma volta tão dura como esta. A voçês dois, o nosso obrigado pelo vosso esforço!

Seguidores